20.08.2014

Ligeiramente Grávida – Andrea

Ligeiramente Grávida, To Grávida

A Andreia é mãe dos lindos gêmeos Henrique e Gabriel e é nossa querida leitora aqui do Blog Cheguei ao Mundo. Ela nos procurou para contar a sua história de gravidez. Foi mais de um ano tentanto, tentando… e nada!

Mas depois de tantos resultados negativos ela recebeu do marido a notícia do sonhado positivo! E de uma gravidez de gêmeos! Vejam que emocionante esse relato da Andreia.

Sem título1

Desde pequena SEMPRE sonhei e sempre desejei ter gêmeos! E os anos se passaram e em 2010 eu me casei e depois de 2 anos de casada começamos a nos preparar para ter o nosso filho!

O que eu nunca imaginei era que ia demorar tanto!!!

Foi quase um ano e pouco tentando…tentando e nada! Cada mês era uma expectativa e cada exame negativo um sentimento de frustração, de tristeza! Até que procuramos um médico e fizemos todos os exames e não deu nada de errado com nenhum dos dois. Mas o médico vendo minha ansiedade, me deu um remedinho que estimula a mulher a ovular mais que eu tomei por 3 meses e depois de milhares de tentativas…finalmente nós estamos Grávidos!!

Eu soube do resultado pelo meu marido!!

Isso mesmo…eu já não tinhas mais forças e coragem de ler que era negativo e nesse último eu pedi pra ele consultar e quando ele começou a gritar e a pular comigo no colo (e olha que não sou levinha…rs) chorando de alegria…parecia que eu tava num sonho! Naqueles segundos mágicos, todas as tristezas, todas as frustrações ficaram para trás.

Depois com calma vimos no Google que o número tinha dado muitooo alto! E que a chance de ser uma gestação gemelar era enorme! E vocês imaginam eu que sempre…sempre mesmo sonhei em ter Gêmeos, fiquei tão entusiasmada que contava os dias pra fazer o tão esperado ultrasson e ter a certeza da Gravidez, a certeza de que estava tudo bem e se eram mesmo Gêmeos.

E para nossa Grande Alegria: Era SIM, uma gravidez de Gêmeos!

Eu confesso que sempre quis uma menina…então ficava torcendo pra ser um casal…e meu marido dizia ter certeza que eram dois meninos (eu até brigava com ele por causa disso…rs). Fizemos o exame de sangue só confirmamos o sexo de um e deu Masculino, sendo assim, eu continua com a certeza dentro de mim que era um casal!

No dia do ultrasson, o médico disse: Parabéns Papai e Mamãe, são dois Muleques!!

Meu marido me olhava rindo…dizendo: eu já sabia!!! E eu muda!! Chocada!! Quando voltei em si, disse pro medico: Dr. O senhor tem certeza??? Tem dois pipis ai??? rs e ele disse: Sim! Até que se prove o contrário são dois homens.

Enfim no dia 07.07.13 nasceu o Henrique e o Gabriel e hoje eu não me vejo mãe de menina! Sou APAIXONADA por esses dois!

Sem título2

Sem título

 

18.08.2014

A Cadeirinha de Bebê do Carro – Alerta!

Bebês, Cuidados Diários

Seu filho está sendo transportado com segurança dentro do carro? O assunto do post de hoje é muito importante e é um alerta pra todos os pais. Criança com menos de 10 anos ou com altura inferior a 1,45 metro sempre deve ser transportada nos bancos traseiros com dispositivo de retenção.

Uma lesão perigosa e muito mais comum do que se imagina acontece quando as crianças dormem no carro, pelo chamado “efeito chicote”, movimentos rápidos com a cabeça pra frente e pra trás. Por isso, é preciso ficar atento para usar o tipo certo de cadeirinha de acordo com cada idade, altura e peso. Além de utilizar e divulgar a importância do “strap head” (vejam nas últimas fotos do post esse dispositivo).

Conversamos com a médica Adrianne Brandão Pozzato, do Hospital Miguel Couto no Rio de Janeiro, e ficamos preocupadas com os riscos que o uso inadequado da cadeirinha pode gerar. Confiram as informações que ela nos contou nesse texto super importante!

imagesCAFQV4AK

A Cadeirinha de Bebê do Carro – por Adrianne Brandão Pozzato

Recentemente, com a obrigatoriedade do uso da cadeirinha nos veículos para crianças menores de 10 anos, houve redução significativa do risco de lesões e mortes atribuídas a acidentes automobilísticos nesta faixa etária. Precisamos, porém, usar a cadeirinha e o cinto de segurança de maneira correta.

Há estudos mostrando que até 25% das crianças que usam o dispositivo o fazem de maneira errada (posição da cadeirinha errada, cinto torcido, etc). Tal fato pode ocasionar lesões graves, não identificadas antes do início desta Legislação.

Há também a necessidade do uso supervisionado por um adulto por diversos motivos. A criança, ao dormir sentada, pode ter a cabeça tendendo a “tocar” o tronco o que pode ocasionar uma “compressão “ nas suas vias aéreas que já são estreitas. Esse mecanismo pode ser danoso principalmente nos prematuros e nos que apresentam patologias respiratórias (pode haver diminuição da oxigenação).

O cinto de segurança ao “ cruzar” o tórax  pode causar um aumento da pressão abdominal e predispor a vômitos. Quando o estômago está cheio, após uma refeição, aumentam as chances de vômitos.

Identificamos também um risco maior de trauma na coluna cervical decorrente do mecanismo de “chicote”. Esse movimento da coluna cervical pode acontecer quando a criança dorme por um período grande dentro do carro, quando há freada brusca ou colisão. O corpo da criança se desloca anteriormente causando uma hiperflexão da coluna consequente ao mecanismo de desaceleração do veículo. Neste momento existe um estiramento dos ossos e músculos que ainda estão em formação e são mais frágeis. Felizmente as lesões que podem vir a acontecer após a obrigatoriedade do uso deste dispositivo não são tão frequentes.

O que pretendemos é mostrar a necessidade do uso do dispositivo, supervisionado por um adulto, sempre. Existem dispositivos (strap head), não preconizados, que poderiam auxiliar fixando a região da testa da criança diminuindo o risco de algumas complicações.

imagesCAY1G236

Carro_bebe

14.08.2014

Chá de Bebê Navy

Chá de Bebê, Decoração

Um Chá de Bebê Navy que além do tradicional azul e vermelho recebeu toques de amarelo e branco! O resultado ficou lindo, desenvolvido pela equipe da Dona Aranha Festas!

Confiram e inspirem-se!

cha de bebe

cha de bebe 1

cha de bebe 2

cha de bebe 3

cha de bebe 6

cha de bebe 4

cha de bebe 7

cha de bebe 8

cha de bebe 9

cha de bebe 10

cha de bebe 12

cha de bebe 11

cha de bebe 13

cha de bebe 18

cha de bebe 17

cha de bebe 16

cha de bebe 14

 

 

 

12.08.2014

Roupinhas online para enxoval da Maternidade

Bebês, Bebês com Estilo, Enxoval, To Grávida

Na correria do dia a dia a internet pode ser uma grande aliada para ajudar as mamães nas compras de roupinhas para os bebês. Falta tempo pra resolver tudo durante a gravidez, né? Então nada melhor do que ter a praticidade de receber na sua portaria aquela peça que faltava para o enxoval. Nós aqui no blog adoramos uma comprinha online….kkkk

Pensando nisso, fizemos uma seleção com algumas opções de roupinhas lindas para o enxoval da maternidade que podem ser compradas em e-commerce infantil. Confiram!

 

hi baby_azul

Conjunto com Jardineira, Body e Casaquinho da Hi Baby

Conjunto Vestido Flôr Crochê    Loja Silmara Bebê

Conjunto vestidinho da Silmara Baby 

saida de maternidade amarela

Conjunto amarelo estilo tenista Posh Little

macacao vinho

Macacão Vinho Alô Bebê 

Captura de Tela 2014-07-28 às 21.20.20

Conjunto Macacão e manta azul marinho – Verivê -  Novo Bebê 

azul bebe

Conjunto macacão e manta azul bebê – Verivê – Amo Kids

meninas navy

Conjunto vestidinho, manta e calça – Cegonha Feliz 

preto com bolinhas

Macacão e Body de Bolinhas - Hi Baby

baby_cherie

Conjunto mulan com body – Baby Cherie

10.08.2014

Dia dos Pais com Entrevista Especial!

Papais Famosos, Vida de Mãe

Feliz Dia dos Pais e um domingo cheio de amor pra vocês!!!

Para comemorar esse dia, fiz uma entrevista especial com o meu marido, Raoni Carneiro, e descobri várias coisas que eu nunca tinha parado pra perguntar com calma! ;-) Me emocionei muito com as respostas dele! Afff chorei e tudo!! kkkk

Espero que gostem da entrevista e curtam muito o dia de hoje em família!

fernanda rodrigues e raoni

Rao, feliz Dia dos Pais!! Nesses 4 anos desde que a Luisa nasceu aprendemos muito com ela, né? O que você acha que a paternidade mais mudou em você?
Oi Fe, acho que de tudo o que mais sinto é a força que a paternidade traz. A maneira como ela direciona nossa vida. Foco, concentração, responsabilidade. Tudo junto e misturado em prol de uma vida que passa a valer mais que a nossa.

fotos 545

Conta um pouco como foi a emoção do dia do nascimento pra você. Como foi pegar ela no colo e levar pra familia ver pelo vidro? Esse momento a mãe perde, né…rsrs
Perde!!!!! Na real, tudo acontece com vocês mulheres, né? Então pra gente é muito louco, porque só nesse momento do nascimento é que se torna físico, concreto e então a ficha cai. Acho que mais legal que levar o filho pra família é que essa distância percorrida parece uma eternidade, é o tempo que parece que você não está ali. Nem lembrava que tinha a moça da foto no elevador!! Fui lembrar pelas fotos depois. Eu só conseguia olhar pra ela, pra Luisa.foto-02

Nós fizemos juntos um curso de grávidas antes da Luisa nascer que foi super legal. O que mais te marcou que você aprendeu lá?

Adorei o curso, acho que o mais legal de tudo foi criar a consciência de que desde quando nascemos (outros tempos) muita coisa mudou. O pai hoje em dia pode e deve estar do lado da mulher. É muito legal poder compartilhar a chegada do seu filho. Acho que esses cursos são legais demais para sabermos o que queremos e o que não queremos. Termos uma coerência daquilo que queremos para nós e nossa filha. Sem ficar caindo nos desesperos de pais de primeira viagem e ouvir o tanto de mitos que inventam sobre tudo que envolve esse serzinho. Somos antes de tudo uma espécie.

8

E o que você acha que mais teve dificuldade na paternidade até agora?
Acho que não chamaria de dificuldade, mas fico impressionado com a quantidade de coisas que aprendemos diariamente e temos que nos posicionar perante elas.
14 (2)

Quando a Luisa era pequena a hora do banho sempre foi um momento seu com ela, né? Eu já contei um pouco sobre isso em um post aqui no blog (pra quem não viu é só procurar por “a hora do banho” na busca do blog). Conta um pouco sobre como você fazia com ela e como era esse momento de vocês.
Esse momento era o mais legal! A criança nasce e gruda no peito da mãe. Tudo o que ela precisa está na mãe! Pow! Também quero! No banho era o mais legal. Uma das aulas do curso era sobre o banho e a coisa mais legal foi descobrir que era um momento bom para a família inteira. Você (mãe) descansava, eu curtia a minha filha e ela tomava banho. Mas acho que a parte mais legal era o ritual criado. O banho, depois o baby tube (até ela se cansar), mamar e ter uma filha dormindo a noite inteira, preservando um pouco o nosso sono!

foto02
E hoje em dia… qual é o programa favorito de vocês dois?
Qualquer um que a gente possa ficar juntos. É muito legal ver a descoberta dela em qualquer lugar que ela esteja.
Qual foi a viagem favorita de vocês?
A nossa pelos EUA de carro. Um tempo incrível.
39Você tem vontade de ter mais filhos? Vamos dar um irmãozinho(a) pra Luisa ou não? kkkk
To pensando. Kkk
Como concilia o trabalho com a paternidade?
Você sabe mais que ninguém (né? rs) o quanto tenho trabalhado e isso às vezes me faz pensar até que ponto isso vale a pena. Estou tentando deixar livre pelo menos um dia da semana (domingo) exclusivo pra ela e para nossa família! Não? Kkksitio7[1]

E quando a Luisa começar a ter namoradinhos? kkkk Já pensou nisso? Como você acha que vai ser, hein?
Porrada!!! Kkkkk

Ser pai é…
A razão para vivermos. Se estiver tudo bem com ela. Tá tudo certo. Aliás, se estamos conseguindo e ela está ótima devo muito a você e a família que construímos.
Fernanda Rodrigues
Page 1 of 3512345